Em Candói homem é preso com colete balístico e uma espingarda

12/05/2022 13H52

Na noite de quarta-feira (11), por volta das 20h30min, a equipe de serviço do Candói, através de levantamento de informações, deslocou até a localidade da Paz realizar um bloqueio na via.

Informações que chegaram até os policiais foi de que um veículo sedan de cor branca, não especificando modelo ou placa, estaria deslocando sentido Candói, possivelmente na localidade da Paz, realizar a entrega de alguns produtos furtados, dentre esses objetos possivelmente poderia ter arma de fogo ou munição.

A equipe deslocou até o local, e no trevo de acesso, realizou um bloqueio policial. Após algumas abordagens sem sucesso a veículos com a mesma característica repassadas, foi feita abordagem de um veículo Hyundai HB20, cor branca, o qual estava sendo condutor 31 anos, acompanhado de sua esposa 35 anos.

Foi então realizado busca pessoal no mesmo, o qual nada de ilícito foi localizado, porém em busca veicular, foi localizado no porta malas do carro, uma placa de colete balístico. Perguntado ao abordado sobre o motivo de estar portando tal colete, no primeiro momento relatou para os policiais que ele estaria fazendo uma “mudança de um segurança”.

Questionado então, se realmente ele estaria fazendo a mudança, onde estaria os demais objetos, e de quem seria tal mudança, neste momento, ele não soube informar a equipe precisamente os detalhes, o qual levantou estranheza a equipe.

Após nova indagação dos policiais, ele relatou estaria indo entregar tal colete e ganharia o valor de R$100,00 para isso, que sua função era apenas deixar o colete em referido local.

Devido apresentar historias desconexas, a equipe deslocou até a sua residência, onde foi novamente questionado sobre a outra placa do colete, e também se teria mais algo de ilícito na casa.

O qual relatou que teria uma espingarda cal.22 e algumas munições, e entregaria para equipe policial. No local, após devidamente autorizado, foi localizado ao lado do guarda roupa, a referida espingarda, juntamente com 67 munições do mesmo calibre intactas, e uma deflagrada.

Diante dos fatos foi dado voz de prisão e informado seus direitos, não sendo necessário a utilização de algemas, apenas conduzido no compartimento separado (camburão), para segurança da equipe policial e para evitar o risco de fuga.

Deixei seu comentário: